BIM - Build Information Model

BIM (Building Information Model)

O que é e porque se fala tanto em BIM

A sigla BIM significa modelo com informações de construção (em uma tradução livre para Building Information Model. A tradução do decreto 10.306 é Modelagem da Informação da Construção, mas eu prefiro a minha versão), cuja ideia é colocar em um modelo 3D o maior número de informações possíveis sobre uma obra. Imagine o seguinte cenário: você vai fazer uma reforma na sua cozinha e não sabe onde passam as tubulações. O que você faz? Pesquisa quem ainda tem os projetos, obtém estas plantas em 2D e depois tem que achar as informações que você precisa. E se tudo estivesse em um modelo 3D pronto para ser consultado? Além da tubulação, você poderia ver onde estão as colunas e vigas, tubulação elétrica, dutos de ar condicionado, etc… Esta é a ideia, ter todas as informações disponíveis em um mesmo lugar e com fácil acesso.

Veja como a Building Smart define os ciclos do BIM:

Ciclos do BIM
As 5 fases do BIM segundo critérios da Building Smart

Ou seja, projetar em BIM é gerenciar todos envolvidos no processo de forma a você ter um modelo 3D com geometria e informações necessárias para o processo de construção, manutenção e demolição ou renovação.

Mas e para a fase e projeto e construção, quais os benefícios? Imagine que para montar aquele modelo do seu prédio, todos os projetistas (estrutural, hidráulica, elétrica, ar condicionado, etc..) tiveram que colocar os dados dele neste modelo unificado. Este processo de montagem do modelo vai mostrar todas as interferências que provavelmente só seriam vistas na obra, com um custo alto de retrabalho. Então o maior benefício é que forçando uma construção virtual da obra, através de um modelo 3D, tudo terá que ser pensado antecipadamente e vai haver uma verificação automática de projeto na medida em que você sobrepõe as informações das diversas disciplinas.

 Bim Forum Brasil

No dia 16/09/2020 foi aberto o BFB (Bim Forum Brasil) foi aberto em um evento online aberto, com o propósito de impulsionar de forma neutra e transparente o BIM no mercado nacional.

No evento, ouvimos o CEOs e profissionais envolvidos em Forums BIM em outros paises. Vimos o caminho percorrido por países que estão mais avançados como a Inglaterra.

O que diz o decreto 10.306 sobre a obrigatoriedade de projetos com esta tecnologia

De forma prática e direta : A partir de janeiro de 2021, os projetos novos devem incluir esta tecnologia para projetos de arquitetura e engenharia. Ou seja, precisamos ser capazes de receber e enviar dados para um projeto BIM sob pena de ficar de foram de obras de infraestrutura.

O decreto, assinado em Abril de 2020, estabelece a utilização do Build Information Model – BIM ou Modelagem da Informação da Construção em obras contratadas pelo governo afim de atender a Estratégia Nacional de Disseminação do BIM, conforme decreto 9.983 de Agosto de 2019. Isso inclui as obras do ministério da defesa, ministério da infraestrutura e DNIT.

Projetos em BIM envolvem custos elevados? Posso me adequar facilmente?

Não, não envolve custos elevados e qualquer projetista pode facilmente se adaptar. Obviamente, se você ainda faz seus projetos exclusivamente em 2D, está na hora de acordar e ver que o mundo está mudando. Então os custos envolvidos são:

  1. Treinamento de pessoal para usar modelagem 3D em seus projetos
  2. Usar um software que possa trabalhar com BIM.

A forma mais comum de compartilhar as informações BIM, envolvendo geometria e dados, é através dos arquivos padrão IFC. Um padrão mundialmente aceito e controlado também pela Buildingsmart.org.

Os 3 passos para você se integrar em um projeto BIM com seu projeto de estrutura metálica.

Para projetos de estrutura metálica, que é a nossa área, o TSteel está pronto para te colocar no mundo BIM imediatamente. Lembrando que os 3 passos para participar de um projeto com tecnologia BIM são:

  1. Receber informações em 3D para usar como referência. Ao invés das plantas de arquitetura, vamos começar a receber modelos 3D. O TSteel importa estes modelos e ajuda você a colocar a sua estrutura metálica junto com a arquitetura
  2. Criar modelos 3D. Já sabemos que criar modelos é nossa especialidade, portanto se você já está usando o TSteel, já está criando os modelos.
  3. Exportar os modelos 3D da estrutura metálica para o gerenciador do projeto em BIM. Isso também já está disponível.

Como o TSteel recebe e envia informações em um projeto BIM

O TSteel pode ler e fornecer dados para uma integração BIM através de 3 canais diferentes:

  1. Uso da capacidade de importação e exportação para o Tekla. Se você utiliza o Tekla junto com o TSteel, tem a disposição todas as ferramentas do Tekla.
  2. Importação de arquivos IFC, que permitem você receber a arquitetura e importar para dentro do seu modelo de estrutura metálica para verificar interferências.
  3. Importação e exportação para DWG do modelo em 3D.

Conheça a fundo as possibilidades do TSteel 3D.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *